Google Maps começa a liberar rotas de bike

GoogleMaps_900x506

Sabe aquela dificuldade de traçar uma rota ciclística quando queremos conhecer novos lugares pedalando? Entrar no mapa da CET, aproximar, anotar os nomes das ruas e por ai vai. Pois é, para nossa alegria, tudo isso está acabado!

Isso porque, o Google anunciou nessa terça-feira (23) sua nova opção de ferramenta para a plataforma “como chegar” do Google Maps. A simpática bicicletinha quando selecionada, indica vias consideradas menos perigosas e informa a altimetria do percurso.

Primeiramente, a função está sendo liberada nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Belo Horizonte, capitais com maior malha cicloviária do país, e já está disponível para usuários dos sistemas IOS e Android, como toda a plataformar Google.

O melhor é que as malhas cicloviárias das capitais serão gradualmente introduzidas sem a necessidade de atualizações.

Junto aos órgãos responsáveis de cada cidade, o Google pode coletar as informações para incluir ciclovias e ciclofaixas em seu mapa. Os percursos fornecidos também poderão ser feitos com o app como GPS, indicando com as instruções por voz o caminho recomendado.

Alguns países como os Estados Unidos, já haviam recebido a função em setembro do ano passado.

Fonte: Bike é Legal!

Rio de Bicicleta Comenta:

"O sistema está em implantação e ainda apresenta falhas"

Uma ótima notícia para nós ciclistas, mas ainda em fase de testes, tem muito a melhorar. Traçamos uma roda da Zona Norte para a Zona Sul e o Google mandou a bicicleta atravessar o Túnel Santa Bárbara :( De toda forma, é bem legal perceber que a magrela vai ganhando espaço e funcionalidade em um programa que nos orienta por aí, seja a pé, de carro, ônibus e agora também bicicleta. Que seja estendido a todas as cidades.

Deixe um resposta

Patrocínio